Saltar para: Post [1], Comentar [2], Pesquisa e Arquivos [3]

Linguagista

Léxico: «pogonofóbico»

Tratem-se

 

      A propósito de frades barbudos: leram, já esta semana, a notícia sobre um estudo publicado na European Radiology em que se conclui que há mais micróbios nocivos à saúde na barba dos homens do que no pêlo dos cães? Da próxima vez que uma mulher (ou um homem) for para beijar um barbudo, pondere se não será preferível oscular um buldogue mesmo com baba a escorrer. No Verão passado, conheci a pessoa com mais aversão a barbas que jamais vi. Era um homem que esteve na Guerra Colonial, todo desempoeirado e esperto, mas acho que até tremia quando via um homem de barbas. Um pogonofóbico no mais extremo grau. Precisava de ser tratado. A sorte dele, ainda assim, é o Dicionário da Língua Portuguesa da Porto Editora não conhecer o termo — embora registe pogonofobia. Há mais alguém a precisar de se tratar.

 

[Texto 11 253]

Comentar:

Comentar via SAPO Blogs

Se preenchido, o e-mail é usado apenas para notificação de respostas.

Este blog tem comentários moderados.

Este blog optou por gravar os IPs de quem comenta os seus posts.