Léxico: «porco-formigueiro»

Também no Brasil

 

      «Fogo atinge café e loja do zoológico londrino. Pelo menos um animal morto e quatro desaparecidos. [...] O animal que morreu é um porco formigueiro. Quatro suricatas estão dadas como desaparecidas na sequência do incêndio que afetou o café e a loja do zoológico londrino» («Oito pessoas assistidas após incêndio no Zoo de Londres», TSF, 23.12.2017, 17h22).

      Na Folha de S. Paulo, o título da notícia é assim: «Incêndio no zoológico de Londres mata um aardvark e suricatos desaparecem». No corpo da notícia, têm de acrescentar que se trata de um «animal africano». Muito esclarecedor... Podia ser pior? Pode sempre: «Incêndio no zoológico de Londres mata um aardvark e meerkats desaparecem». O VOLP da Academia Brasileira de Letras regista «suricato» e «suricata», ao passo que nós só temos este último. Ah, e também regista «porco-formigueiro». O Dicionário da Língua Portuguesa da Porto Editora regista porco-formigueiro (aqui), numa definição longa, mas não completa: falta o nome científico, que é Orycteropus afer.

 

[Texto 8505]

Helder Guégués às 11:05 | comentar | favorito