Léxico: «prova de fundo/fundista»

Homens, cavalos, pombos

 

      «Refira-se que nas provas de fundo, Portugal alinhará com quatro corredores em elite (dia 30) e em sub-23 (28), e com dois em juniores (27). No contrarrelógio, a Seleção apresentará dois ciclistas em cada categoria» («Domingos Gonçalves: “Continuo a andar para ir ao Mundial”», Record, 6.09.2018, 1h08).

      Em vários dicionários, corremos de «prova» para «fundo» e de «fundo» para «prova» e não encontramos prova de fundo, que, ao que sei, são as distâncias dos cinco mil metros até à maratona. E também há as provas de meio-fundo, e este termo já o encontramos, por exemplo, no dicionário da Porto Editora. E fundista, como o define? É o «atleta que faz corrida de fundo». E se for um nadador? Claro que um nadador também é um atleta, mas, para aquele dicionário, no domínio do desporto, atleta é somente a «pessoa que pratica atletismo». E se for um cavalo? E se for um pombo-correio? Ah, nunca tinham pensado nisto... Fundistas há muitos.

 

[Texto 10 695]

Helder Guégués às 09:07 | comentar | favorito
Etiquetas: ,