Léxico: «relaxar»

Quanto mais os alunos

 

      Num intervalo de tarefas mais sérias e pesadas, dei uma olhadela ao enunciado do exame final nacional de História A deste ano. Num excerto sobre a condenação, em 1543, de Jorge Manuel (pela pinta, algum jogral medievo-pimba da época) pelo Tribunal da Inquisição, são usados os verbos apartar («da nossa santa fé católica») e relaxar («às justiças seculares»), e lá vêm duas notas de rodapé a explicar o que significam, ou os alunos esbardalhavam-se logo ali. Ora, dá-se o caso nem sequer o dicionário da Porto Editora registar esta acepção de relaxar. Não é triste? Eh, pá, não se entreguem a tanto relaxe!

 

[Texto 11 867]

Helder Guégués às 08:09 | comentar | favorito
Etiquetas: ,