Léxico: «sudanologia»

Não inventa nada

 

      «Charles Bonnet, que dirige escavações no Sudão há cinquenta anos, afirmou que está à espera de ser revelada “uma história do mundo extraordinária”, declarando que dentro de anos a “sudanologia” poderá ser uma área de estudo equivalente à egiptologia» («Descobertos três templos no Sudão com arquitetura desconhecida até agora», Lusa/TSF, 10.02.2017, 17h34).

      Talvez o jornalista pense que se tem de inventar a palavra. Ora, já vimos disparates semelhantes. Ponha aqui os olhos: «We have here extraordinary history of the world, maybe after some years we will have Sudanology as strong as Egyptology» («Swiss archaeologist shines light on Sudan’s buried past», AFP/Mail Online, 10.02.2017, 16h17). Por coincidência, há também uma síndrome de Charles Bonnet, que é uma doença que faz com que pacientes com pouca visão tenham alucinações visuais.

 

[Texto 7474]

Helder Guégués às 22:29 | comentar | favorito
Etiquetas: