Léxico: «toman»

Uma realidade diferente

 

      «“Recebo 2,5 milhões de tomans [pouco mais de 180 euros por mês; os preços no Irão não estão expressos em riais mas em tomans — 1 toman é igual a 10 riais], mas poderia ganhar muito mais se encontrasse um bom emprego relacionado com o meu curso”, explica ela» («Os meninos ricos da República Islâmica», Rohollah Faghihi. Tradução de Maria Alves, Courrier Internacional, Abril de 2019, p. 57).

      Isto é caricato: temos o nome da unidade monetária nos nossos dicionários, mas chegamos lá e, afinal, a realidade é um pouco diferente. Tanto nos podem pedir 4000 como 40 000 e tratar-se do mesmo valor! Moeda que, relembre-se, no início de 2018 perdeu dois terços do seu valor — nada que arrelie o típico aghazadeh. («O termo aghazadeh apareceu, pela primeira vez, no Irão nos anos 1990, para descrever os filhos de vários dirigentes corruptos, à medida que cresciam os rumores sobre o seu comportamento revoltante», lê-se no artigo supracitado.)

 

[Texto 11 054]

Helder Guégués às 10:27 | comentar | favorito
Etiquetas: ,