Léxico: «trivela»

Origem obscura

 

      «Apesar de a explicação mais comum falar do uso de três dedos exteriores para pontapear a bola, para Salvato Trigo, linguista, esta não é a mais verosímil. “A explicação que me parece mais plausível para a utilização da palavra ‘trivela’ é relacioná-la diretamente com tri-velocidade [sic]. ‘Trivela’ seria uma espécie de acrónimo de trivelocidade, um fenómeno da física”, explica o especialista, que é reitor da Universidade Fernando Pessoa. [...] “Julgo que será relativamente difícil encontrar uma origem etimológica para uma palavra como ‘trivela’, que apenas surge na língua portuguesa durante o século XX e ligada ao fenómeno desportivo. A palavra terá surgido nas décadas de 60 e 70, porque terá sido um jogador brasileiro, chamado Rivellino, o autor do primeiro pontapé de trivela”, remata Salvato Trigo» («Um físico, um linguista e jovens promessas. Fomos ao fundo para descobrir como se faz uma trivela», Rádio Renascença, 29.06.2018, 17h00).

      O Dicionário da Língua Portuguesa da Porto Editora nem diz, como em relação a tantas outras palavras, que é de origem obscura, nada. E julgo que na definição que dá de trivela falta uma característica habitualmente salientada: o movimento de rotação da bola.

 

[Texto 9523]

Helder Guégués às 20:39 | comentar | favorito