Saltar para: Post [1], Comentários [2], Pesquisa e Arquivos [3]

Linguagista

Léxico: «tubarão-areia»

Nosso, não deles

 

      «Los expertos confirman que se trata de un Odontaspis ferox, un tiburón solrayo de trescientos kilogramos que representa un hallazgo excepcional en Galicia, por tratarse de la primera ocasión en la que se localiza esta especie en las rías, según explica Alfredo López, portavoz de la coordinadora» («El tiburón solrayo que se adentró y pereció en la ría de Arousa era una hembra que superaba los tres metros», R. E. e B. C., La Voz de Galicia, 4.06.2022, p. 26).

      É o nosso tubarão-areia — nosso, não dos nossos dicionários. «Foi por isso com surpresa que tanto visitantes como os próprios trabalhadores do aquário assistiram ao momento. Um tubarão-areia — uma fêmea de oito anos de 2,2 metros —, comeu um tubarão-leopardo, que tinha cinco anos e media cerca de 1,2 metros» («Tubarão surpreende visitantes de aquário ao comer outro tubarão», Diário de Notícias, 29.01.2016, 17h22).

 

[Texto 16 423]

1 comentário

Comentar post