Saltar para: Post [1], Pesquisa e Arquivos [2]

Linguagista

Mais pequeno e menor

Liberdade

 

      «No Brasil dizer “mais pequeno” é tão errado como dizer “mais grande”. E é provavelmente o único caso que, em tanta discussão entre o português de Portugal e o português do Brasil, acho que o segundo tem razão. De facto, parece haver uma regra mais simples e objectiva em não usar as duas formas. Mas também é certo que encontro uma verdade poética em não ser errado em Portugal dizer “mais pequeno”» («O Brasil tem razão em não dizer mais pequeno», Tiago de Oliveira Cavaco, Observador, 5.06.2022, 00h15).

      Se a língua tivesse sido ideada por um Deus linguista, talvez não padecesse de irregularidades e anomalias, estas e outras, mas nunca seria perfeita, porque é usada pelo homem. Terá mesmo razão o Brasil? Não: melhor estamos nós, que podemos dizer, sem ninguém o poder apontar como erro, «mais pequeno» e «menor». Preferimos a primeira, mas não estamos obrigados a usá-la. Entre razão e liberdade, a escolha não podia ser mais fácil.

 

[Texto 16 420]