Saltar para: Post [1], Comentários [2], Pesquisa e Arquivos [3]

Linguagista

Mehmet e Maomé

Deve pois

 

      «Quando, em 1453, o exército otomano comandado por Maomé II se aprestava a conquistar Constantinopla (atual Istambul e à data capital do Império Bizantino), as autoridades eclesiásticas dedicavam-se a uma estimulante discussão: sobre se os anjos teriam sexo e, no caso afirmativo, de que sexo seriam. Nenhuma fonte histórica atesta que tenham descoberto a resposta» («O sexo do vírus», Rui Pereira, Correio da Manhã, 31.10.2020, p. 2).

      Mas nestes casos (quando não em todos) não se deve optar pela grafia Mehmet? Neste caso, seria então Mehmet II. Claro que não estou à espera de ver um especialista em direito saber estas coisas. Embora julguem ser pau para toda a colher, não exageremos.

 

[Texto 14 268]

1 comentário

Comentar post