Nimrud de... Nimrod

Não muito diferente

 

      «Nimrud, assim chamada em homenagem ao rei Nimrod, caçador lendário que a Bíblia refere, é um dos principais pólos da antiga Mesopotâmia, tida com um dos berços da civilização, formando com as cidades reais de Nínive e Hatra um triângulo patrimonial de referência. Foi fundada por volta de 1250 a.C. e, quatro séculos mais tarde, tornou-se a capital do império assírio, o mais poderoso do seu tempo, com um território que abarca o que é hoje o Egipto, a Turquia e o Irão» («Extremistas avançam com bulldozers sobre cidade milenar», Lucinda Canelas, Público, 7.03.2015, p. 4).

      Um tudo-nada estranho, mas desta vez não erraram: segundo a Bíblia, Nimrod, o primeiro tirano (ainda não tinham inventado o fisco e a segurança social) sobre a Terra, era bisneto de Noé e terá edificado as cidades de Nínive, Reobot-Ir, Calá e Réssen. Mais tarde, em sua homenagem, à cidade de Kalhu ou Calá foi dado o nome de Nimrud. Na Bíblia dos Capuchinhos, está Nimerod.

 

[Texto 5640]

Helder Guégués às 13:38 | comentar | favorito
Etiquetas: