Números por extenso

Baralhamos ou atinamos?

 

      «Ainda que se movimente em círculos de pessoas influentes, é descrita como despretensiosa e simpática, no seu metro e 54» («Susan [Miller], a astróloga assustadoramente certeira», Sónia Bento, Sábado, 9.04.2015, p. 86).

      Será boa prática misturar algarismos com números por extenso? Não me parece.

 

[Texto 5761]

Helder Guégués às 15:15 | favorito
Etiquetas: ,