Ortografia: «antiepiléptico»

Assim não pode ser

 

      «O actor, de 40 anos, foi encontrado morto no sábado na sua casa em Oeiras. Sofria de epilepsia e estaria a ser medicado regularmente com anti-epilépticos» («Autópsia ao corpo do actor Rodrigo Menezes é hoje», Público,7.10.2014, p. 13).

      São contra o AO90, mas não são exemplares, longe disso, na defesa da ortografia que usam, no que perdem metade da legitimidade.

 

[Texto 5123]

Helder Guégués às 09:02 | comentar | favorito
Etiquetas: