Ortografia: «Cartão de visita/cartão-de-visita»

Esperem: um discorda

 

      «O mais titulado atleta da canoagem portuguesa, medalha de prata nos últimos Jogos Olímpicos de Londres, em 2012 (onde fez dupla com Emanuel Silva), é o cartão-de-visita mais mediático da “vila mais antiga de Portugal”, a “capital do arroz de sarrabulho e do vinho verde”, slogans tradicionais que agora partilham fama com o canoísta» («Onde a pagaia pode ser mais popular do que uma bola», Rui Frias, Diário de Notícias, 13.08.2015, p. 22).

      E eu que pensava que era consensual a grafia deste vocábulo; mas não: há um jornalista do Diário de Notícias que não concorda e usa outra. Ora, as combinações constituídas por nome+preposição+nome não são, com o novo acordo ortográfico, hifenizadas. Infernizada está agora a nossa vida, com esta ortografia esquizofrénica.

 

[Texto 6163]

Helder Guégués às 21:09 | favorito
Etiquetas: ,