Ortografia: «ciberactivismo»

Perderam a letra

 

      «“Sabemos que a pena de morte não foi abolida ainda na Guiné Equatorial e não sabemos se será abolida. Sabemos que, há duas semanas, foram executadas nove pessoas na Guiné Equatorial”, disse à agência Lusa a investigadora do Centro de Estudos Africanos do ISCTE, que já realizou um estudo sobre o ciberativismo na Guiné Equatorial, publicado em 2011. De acordo com a especialista, estas pessoas foram “sumariamente executadas sem direito a uma apelação”» («Investigadora denuncia nove execuções sumárias na Guiné Equatorial», Público, 22.02.2014, p. 25).

   Tão preocupados com os cc e os pp e depois deixam-nos escapar ineptamente. É curioso ver que «ciberactivismo» ainda não está no Dicionário da Língua Portuguesa da Porto Editora, onde até já está registado «cibercondria». Não sofro.

 

[Texto 4099]

Helder Guégués às 10:17 | favorito
Etiquetas: