Ortografia: «microrrobótica»

Da ligeireza

 

      «Microeletrónica, microrobótica, o infinitamente pequeno impõe-se como a nova fronteira da inovação e do progresso» (Da Leveza. Para uma Civilização do Ligeiro, Gilles Lipovetsky. Tradução de Pedro Elói Duarte. Lisboa: Edições 70, 2016, p. 12).

      Como é que alguém — e sobretudo se for revisor — pode ignorar que a consoante tem de dobrar nestes casos, como? Autorretrato, antirreligioso, contrarreforma, biorritmo, microrradiografia, antirracial, mas também antissocial, autossuficiente, contrassenso, ultrassom... Não levam hífen, mas em contrapartida dobra-se a consoante. É dificil perceber isto?

 

[Texto 7063]

Helder Guégués às 18:00 | comentar | favorito
Etiquetas: ,