Saltar para: Post [1], Comentar [2], Pesquisa e Arquivos [3]

Linguagista

Ortografia: «protoindo-europeu» (AO90)

Qual a dificuldade?

 

      No texto, que seguia o AO90, podia ler-se que aquela palavra, o nome de um fruto, vinha do «proto-indo-europeu». Hum... No Dicionário da Língua Portuguesa da Porto Editora, indo-europeu, sim, já quanto a proto, nada. Nos vocabulários editados em Portugal, nada. No Vocabulário Ortográfico da Língua Portuguesa da Academia Brasileira de Letras, lá está: «protoindo-europeu, s. m.». No Grande Dicionário Sacconi, que hoje me trouxeram do Brasil, o mesmo (p. 1687). Está certo: encontramos a regra na Base XVI, 2.º, b), do AOLP90: não tem hífen «nas formações em que o prefixo ou pseudoprefixo termina em vogal e o segundo elemento começa por vogal diferente, prática esta em geral já adotada também para os termos técnicos e científicos». Não sei porque não registam o termo os nossos dicionários e vocabulários, quando todos eles acolhem protoestrela, por exemplo.

 

[Texto 6464]

Comentar:

Comentar via SAPO Blogs

Se preenchido, o e-mail é usado apenas para notificação de respostas.

Este blog tem comentários moderados.

Este blog optou por gravar os IPs de quem comenta os seus posts.