Ortografia: «sem-fim»

Ambos com hífen

 

      «Pode começar pelo pinhal de Leiria, embora haja um sem fim de itinerários que o levarão invariavelmente ao drama, ao horror, ao desespero, à desgraça» («Que falta de sensibilidade», Paulo João Santos, Correio da Manhã, 2.11.2017, p. 2).

      Ó senhor chefe de redacção, não é apenas à engrenagem com um parafuso com rosca helicoidal que se dá o nome de sem-fim, com hífen — a uma grande quantidade seja lá do que for também se dá o nome de sem-fim, também com hífen. Gramática e emoção em partes iguais, pelo menos.

 

[Texto 8328]

Helder Guégués às 12:47 | comentar | favorito
Etiquetas: ,