Parentes e afins

A sorte faz parentes

 

      «Parente por afinidade», lê-se por vezes nas palavras cruzadas do jornal Público e ouve-se nas conversas do dia-a-dia. Está errado, pois ou se é parente ou se é afim de alguém. A afinidade, como se sabe, mas convém recordar, é o vínculo que liga cada um dos cônjuges aos parentes do outro. Vejam este «calculador de parentesco (Portugal)»: lá está o primo em 2.º grau, designação que, para evitar equívocos, se deve substituir por primo segundo. E faz bem em acrescentar que é assim em Portugal, pois não é igual em todo o lado, ao que os tradutores têm de estar atentos. Por exemplo, os first-degree relatives na Grã-Bretanha coincidirão inteiramente com os nossos?

 

[Texto 5992]

Helder Guégués às 15:32 | comentar | favorito
Etiquetas: ,