«Pior que estragados»

Estragados, sim

 

    «Os homens ficam piores que estragados», escreve aqui um autor. Pois, percebo, mas não. Vou dar uso à «Colecção Uma Aventura», que no ano passado ofereceram à minha filha: «— Deixa-te de tretas! O Eduardo é o máximo e eles ficaram pior que estragados! Sabes isso tão bem como eu» (Uma Aventura em Lisboa, Ana Maria Magalhães e Isabel Alçada. Lisboa: Editorial Caminho, 1988, 1.ª ed., p. 25).

 

[Texto 6492]

Helder Guégués às 13:23 | favorito
Etiquetas: ,