Plural de «artesão»

Pois é

 

      «“A madeira dos plátanos usada pelos artesões nos violinos, mas não nos violoncelos, mostra um padrão de oxidação por calor atípico da madeira natural, mas que já tinha sido relatado em madeira que tinha apodrecido devido a fungos”, explica um resumo da PNAS [Proceedings of the National Academy of Sciences]» («Afinal, qual é o mistério da sonoridade dos Stradivarius?», Teresa Serafim, Público, 20.12.2016, p. 23).

      Resumo traduzido, podemos supor, pela jornalista. Pois bem, no caso, o plural «artesões» está errado. Se, no contexto, significasse o adorno arquitectónico, estaria correcto; já quando designa o artífice, o plural é «artesãos». Esperemos que a correcção chegue aos olhos ou aos ouvidos de Teresa Serafim.

 

[Texto 7340]

Helder Guégués às 15:19 | favorito
Etiquetas: ,