Pronúncia: «perda»

Mais colapsos

 

    «Ulrich não concorda com a resolução do BES e espera que as autoridades tenham imposto um limite para eventuais perdas com a venda do Novo Banco» («Ulrich discorda com [sic] solução encontrada para o colapso do GES», Pedro Valador, Jornal da Tarde, 17.03.2015). Para o jornalista, são /pérdas/, porque não tem notícia de que a pronúncia habitual na norma culta* é /pêrda/; para o banqueiro, são «percas». «Perca» é a forma popular e, como já uma vez escrevi, para mim, percas só as do Nilo (Lates niloticus).

 

[Texto 5669]

 

      * Espantoso: fui verificar, e o politicamente correcto ainda deixa que nos exprimamos desta maneira.

Helder Guégués às 15:38 | favorito
Etiquetas: ,