Saltar para: Post [1], Comentar [2], Pesquisa e Arquivos [3]

Linguagista

«Receamos infectar-nos»

A dificuldadezinha com os verbos

 

      Antes de fechar a loja, vamos ajudar Pedro Tadeu, pode ser que ele agradeça. Uns agradecem, outros escoicinham, depende da natureza de cada um. «Estamos todos com medo de que a saída de casa, a ida à escola, ao trabalho, às compras, ao convívio com colegas de trabalho, com amigos, com familiares, com estranhos, possam ser um perigo. Receamos infetarmo-nos. Receamos infetar os outros. Receamos pelos nossos filhos, pelos nossos pais. Receamos uma segunda vaga da COVID-19 e achamos que a primeira ainda não passou» («É preciso salvar a Livraria Barata?», Pedro Tadeu, TSF, 18.05.2020, 7h09).

      Não, não, não, Pedro Tadeu: a marca da pessoa, no caso, a primeira pessoa do plural, já está na primeira forma verbal. Logo, escreve-se «receamos infectar-nos». Repare como escreveu a frase seguinte; essa está certa.

 

[Texto 13 402]

Comentar:

Comentar via SAPO Blogs

Se preenchido, o e-mail é usado apenas para notificação de respostas.

Este blog tem comentários moderados.

Este blog optou por gravar os IPs de quem comenta os seus posts.