«Rent a Jew»

Em vez de os queimarem

 

      Não há muito, lembro-me — mal, porque achei uma tolice na altura — de ouvir na rádio alguém criticar uma campanha de adopção de... de... pois, é desta parte que não me lembro. Talvez adopção de avôs, e um «especialista» veio condenar com veemência o nome da iniciativa. Pois bem, agora, na Alemanha, acabo de ver no sítio da TSF, a Janusz Korczak Academy tem uma iniciativa chamada... Rent a Jew. («Nome-choque», lê-se na notícia...) «Kennen Sie einen Juden? Nein?! Mieten Sie einen!» A ideia é promover encontros entre judeus que vivem na Alemanha e não judeus. Não sei se o nome atrai, se repele. O que sei é que a designação, o chamadoiro, como diria Botelho de Amaral, seja do que for tem muita importância.

 

[Texto 7335]

Helder Guégués às 23:03 | favorito
Etiquetas: