Rio que banha Moscovo

Porque não Moscvá?

 

      Creio que já uma vez me ocupei desta questão: qual o nome, em português, do rio que banha Moscovo? Aqui um tradutor acha que é Moscou. Cheira (tresanda) a francês. Já tenho lido rio Moscovo: «Parques e jardins cobrem cerca de um terço da superfície intra-urbana, agarrando-se principalmente aos meandros do rio Moscovo (Moscvá — ler mascvá), às suas várias afluências, a lagoas e à albufeira resultante do primeiro daqueles famosos canais que, unindo num sistema único as extensas vias fluviais russas, fazem desta cidade um porto dos cinco mares (Negro, Azov, Cáspio, Árctico, Báltico)» (Setembro na URSS (1972-1974), Óscar Lopes. Porto: Inova, 1975, p. 15). E porque não Moscvá? Parecido, circula por aí: «Moscovo é igualmente a Rive Gauche do rio Moskva, onde a atmosfera é distinta e se sente uma diferença subtil nas ruas e nas gentes» (Caderno de Memórias, José Manuel Villas-Boas. Lisboa: Temas e Debates, 2003, p. 212). Esta última é também a opção da quase infalível Grande Enciclopédia Portuguesa e Brasileira.

 

[Texto 8954]

Helder Guégués às 20:58 | comentar | favorito | partilhar