Sobre «in absentia»

Em português

 

 

     «Um tribunal do Cairo condenou ontem a 15 anos de prisão o célebre ativista Alaa Abdel Fattah, bem como outras 24 pessoas acusadas de participação em manifestações ilegais. O acesso dos 25 à sala de tribunal foi negado, pelo que as condenações decorreram in absentia» («Ativista egípcio condenado a 15 anos», Diário de Notícias, 12.06.2014, p. 23).

  Mas in absentia não é o nosso à revelia? Na imprensa internacional pode ler-se que Alaa Abd el Fattah «was convicted and sentenced in absentia». A minha única dúvida é se o conceito jurídico de revelia abrange a ausência forçada pelas próprias autoridades judiciárias...

 

[Texto 4710]

Helder Guégués às 11:42 | comentar | favorito
Etiquetas: ,