Sobre «prião» e outras coisas

Se tem nome...

 

      «O estranho mundo dos priões tornou-se notícia frequente em 1996, quando apareceram os primeiros casos da doença das vacas loucas, em Inglaterra. Prião, do inglês prion, é uma conjugação das palavras “proteína” (protein, em inglês) e “infecção” (infection) e revela uma ideia bizarra — a de que as proteínas podem adquirir a capacidade de infectar animais e pessoas e de se multiplicarem, causando uma doença neurodegenerativa. Até ali, pensava-se que só os vírus, as bactérias e outros parasitas poderiam causar infecções» («E se a doença de Creutzfeldt-Jakob esporádica vier das ovelhas?», Nicolau Ferreira, Público, 30.12.2014, p. 25).

      Não se diz «conjugação», mas sim «amálgama». E «bizarra» é uma estranha forma de dizer «estranha».

 

[Texto 5406]

Helder Guégués às 23:28 | comentar | favorito | partilhar
Etiquetas: ,