19
Mar 19

Léxico: «barjoleta»

Palavra do dia

 

      A palavra do dia, na Infopédia, é barjuleta. É bom lembrar estes termos mais esquecidos, mais desconhecidos, mas convém nunca deixar de registar as variantes, quando as há, como é o caso. Barjoleta: «Não tenho aqui que te dar: e não toques na barjoleta que vai matar a fome a pobrezinhos tolhidos, que não podem ganhar a vida. É sagrado o que aqui vai: não lhe toques!» (Lapinhas do Natal, Manuel de Boaventura. Braga: Editora Pax, 1964, p. 14).

 

[Texto 10 991]

Helder Guégués às 10:00 | comentar | ver comentários (1) | favorito
12
Mar 19

«Tibórnia/tiborna»

Nada de gloríolas

 

      Numa emissão da semana passada do Portugal em Directo, na Antena 1, falaram num levantamento do léxico específico de Sines que a Universidade de Évora está a fazer naquele concelho. Pela amostra, porém, não me parece que tenha muito de específico. Uma das palavras mencionadas foi «tibórnia». Nada de gloríolas: a palavra é usada praticamente em todo o País. «As tibórnias — pão torrado e molhado no primeiro azeite que os proprietários mandam fazer nos lagares de maquia» (Freixo de Espada à Cinta: monografia, Joaquim Augusto Ramos Taborda. Lisboa: SNI, 1948, p. 79). Existem ambas e são variantes: tiborna e tibórnia.

 

 

[Texto 10 947]

Helder Guégués às 08:10 | comentar | ver comentários (1) | favorito
Etiquetas: ,
07
Jan 19

Léxico: «Soajo/Suajo»

Não matem as variantes!

 

      «Serra da região minhota, situada junto à fronteira com a Espanha, na margem direita do rio Lima. Tem a altitude máxima de 1415 metros», ensina-nos sobre a serra do Soajo a Infopédia. Para já, são 1420 metros, medidos por mim. Estou a brincar. O que há para dizer, a respeito disto, é que a Porto Editora devia mencionar que se escreve Soajo ou Suajo, são variantes, é in-di-fe-ren-te. Se não o disser aqui, onde o vai dizer? Bem, di-lo a propósito de um termo comum, soajo/suajo, uma planta herbácea. «Serra do Suajo», leio numa velhinha edição de Portugal: Breviário da Pátria para os Portugueses Ausentes, publicada pelas Edições SNI em 1946. (A continuar a citar edições do SNI, ainda sou convidado para ir ao programa de Manuel Luís Goucha... Vou emendar-me.) 

 

[Texto 10 556]

Helder Guégués às 17:19 | comentar | favorito
30
Out 18

Léxico: «chamuça/samosa»

Grande desafio...

 

      «Logo aqui, a primeira diferença: a aplicação do UberEATS dava a opção de escolher entre uma chamuça de carne, de vegetais e de frango, enquanto a Glovo dizia que havia as três, mas não deixava optar. Outra diferença: a Glovo chama-lhe “chamussa”, num claro desafio à língua portuguesa» («Qual o melhor serviço de entrega de comida? Pusemos o UberEATS à prova contra os concorrentes», Manuel Pestana Machado, Observador, 5.12.2017).

      Grande desafio à língua portuguesa, realmente... Sabia o jornalista que há dicionários — não é o caso do Dicionário da Língua Portuguesa da Porto Editora — que registam a variante «samosa»? (E não seria melhor, em vez de «dava a opção de escolher entre», «permitia escolher entre»?)

 

[Texto 10 221]

Helder Guégués às 10:18 | comentar | ver comentários (2) | favorito
Etiquetas: ,
25
Set 18

Léxico: «jarmelista»

Do Jarmelo

 

      A Antena 1 estava há momentos a entrevistar o Professor Fernando Carvalho Rodrigues, que vive agora em Casal de Cinza, a 12 quilómetros da Guarda. Claro, hoje em dia já não põe satélites em órbita, mas tem um projecto para criar vacas jarmelistas. Jarmelista o Dicionário da Língua Portuguesa da Porto Editora regista, mas esquece-se das variantes: a primeira, jermela, podemos vê-la em Aquilino Ribeiro, e ainda há outra, jarmeleira.

 

[Texto 9988]

Helder Guégués às 10:53 | comentar | ver comentários (1) | favorito
09
Set 18

Léxico: «comparência/comparecência»

Mais breve

 

      «A sua comparecência em jantares literários, nos quais se reunia com outros autores e editores, era frequente, tal como frequente era também a sua presença à mesa do próprio Graham» (Poe, Uma Vida Abreviada, Peter Ackroyd. Tradução de Alberto Simões e revisão de Idalina Morgado. Parede: Edições Saída de Emergência, 2009, p. 87).

      Todas têm direito a existir, mas por algum motivo temos a variante, mais breve e vinda directamente do latim, comparência.

 

[Texto 9883]

Helder Guégués às 08:31 | comentar | favorito
Etiquetas: ,