Saltar para: Post [1], Comentar [2], Pesquisa e Arquivos [3]

Linguagista

Tradução: «charred wood-clad»

E não vai cair, essa torre-farol?

 

      «Na terça-feira soube-se como vai ser o futuro Museu Guggenheim projectado para a frente portuária daquela cidade báltica: um conjunto de módulos rectangulares e uma torre-farol em madeira carbonizada e vidro, da autoria da dupla franco-japonesa Nicolas Moreau e Hiroko Kusunoki, um casal que abriu o seu próprio atelier em Paris em 2011» («O novo Guggenheim vai ser assim, se Helsínquia deixar», Kathleen Gomes, Público, 25.06.2015, p. 36).

   «Madeira carbonizada»? E a torre-farol não se desmorona? Em inglês, está «charred wood-clad», e charred é, de facto, reduzir a carvão, carbonizar... mas também chamuscar. Silas Martí, repórter de artes plásticas e arquitectura da Folha de S. Paulo, escreve que é «madeira negra, um material típico da Finlândia». O que também é, convenhamos, equívoco. Já «enegrecida» ou «chamuscada» seria mais preciso. Veremos o que a imprensa diz nos próximos tempos.

 

[Texto 5998]

Comentar:

Comentar via SAPO Blogs

Se preenchido, o e-mail é usado apenas para notificação de respostas.

Este blog tem comentários moderados.

Este blog optou por gravar os IPs de quem comenta os seus posts.