Tradução: «newspaper dispenser»

Com pernas ou sem pernas?

 

 

      O tradutor verteu por «distribuidor de jornais», o que me parece um pouco equívoco. Não virá de imediato à mente do leitor (que não tem, como eu, o original à sua frente) um homem, muitas vezes um rapazinho, um ardina, a vender jornais nas ruas? Não seria melhor algo como caixa de venda de jornais? Talvez até apenas caixa de jornais, como também se diz em francês (boîte à journaux), por exemplo. «À porta, junto da bilheteira onde, caso tivesse parado para pagar o seu bilhete, talvez Oswald ainda estivesse vivo, uma nota de humor macabro. Numa caixa de venda de jornais, alguém colou um autocolante de identificação para participantes em congressos. No quadrado branco abaixo da frase impressa: “Hello. My name is...”, uma mão exímia escreveu em letras gordas: “PATSY”» («Oswald passou por aqui», Paulo Faria, «2»/Público, 17.11.2013, p. 24).

 

[Texto 4408]

Helder Guégués às 10:11 | favorito
Etiquetas: