Saltar para: Post [1], Comentários [2], Pesquisa e Arquivos [3]

Linguagista

Tradução: «patronize»

Para esquecer

 

 

      «– Não me paternalizes [patronize]. Não te atrevas. Podes desprezar-me, podes irritar-te ou chateares-te de morte comigo, mas não me paternalizes como se eu fosse uma espécie de pequena esposa» (Uma Casa no Fim do Mundo, Michael Cunningham. Tradução de Rui Pires Cabral. Lisboa: Gradiva, 2005, 5.ª ed., p. 110).

   Não me lembro de me ter avistado alguma vez, antes, com este «paternalizar». E agora vou tentar esquecê-lo, como convém.

 

[Texto 4198]

5 comentários

Comentar post