Tradução: «splitscreen»

A negação do jornalismo

 

 

    «Uma das características das Pão de Forma é não terem cintos de segurança à frente, mas podem mesmo assim circular porque foram descontinuadas em 1967 e a lei dos cintos de segurança só saiu um ano depois. Mas é apenas uma das características. Outra é, por exemplo, os vidros da frente em splitscreen, característica das Pão de Forma mais antigas» (Cristina Liz, Telejornal, 4.08.2014).

   A prosa é mais do que duvidosa, mas o pior acaba por ser aquele splitscreen. É o pára-brisas dividido, mas se a jornalista usa a palavra inglesa é porque quer que boa parte dos espectadores não a perceba. A negação do jornalismo. Afinal, o Jornal de Angola tem um pouco de razão: «Nos jornais já se escrevem mais palavras em inglês do que em português. Nas rádios e televisões a situação é […] pior.»

 

[Texto 4903]

Helder Guégués às 09:39 | comentar | favorito
Etiquetas: