Saltar para: Post [1], Comentar [2], Pesquisa e Arquivos [3]

Linguagista

Tradução: «suntuaria»

Nem é preciso pensar

 

      «Não; pouco adiante, vamos ver por que a caça — não só a desportiva e suntuária [suntuaria], mas toda a caça, seja ela qual for — exige essencialmente limitação e privilégio» (Sobre a Caça e os Touros, José Ortega y Gasset. Tradução de José Bento. Lisboa: Edições Cotovia, 2004, 2.ª ed., p. 26).

   O tradutor viu suntuaria e nem pensou duas vezes: «Eu também quero!» «Suntuário» é agora com a dupla grafia do Acordo Ortográfico; em 2004, era uma visão, uma avantesma. É como diz Montexto: «Encostam-se tão dóceis ao que lhe põem diante ou debaixo! Gente tão dengosa, gente que tem um requebrado para o lado...»    

 

[Texto 4124]

Comentar:

Comentar via SAPO Blogs

Se preenchido, o e-mail é usado apenas para notificação de respostas.

Este blog tem comentários moderados.

Este blog optou por gravar os IPs de quem comenta os seus posts.