Tradução: «tonga»

Trabalho incompleto

 

      «Quatro dias mais tarde, um lugar para Kim e a sua pequena mala estava marcado na retaguarda de uma tonga de Kalka» (Kim, Rudyard Kipling. Tradução de Maria Madalena Esteves. S/l: Bibliotex Editor/Diário de Notícias, 2003, p. 161).

      Não encontrei nenhum dicionário de língua portuguesa que registe o termo tonga (exactamente como no original, tonga) nesta acepção. Trata-se de uma espécie de charrete puxada por um cavalo. Nos Oxford Living Dictionaries, encontramo-lo: «A light horse-drawn two-wheeled vehicle used in India.» Assim, o termo devia ser, já não digo grafado em itálico, mas pelo menos explicado em nota de rodapé.

 

[Texto 9611]

Helder Guégués às 22:06 | comentar | favorito | partilhar
Etiquetas: ,