Saltar para: Post [1], Pesquisa e Arquivos [2]

Linguagista

Tradução: «warrant»

O mesmo

 

 

      «– Acabei de lhe dizer onde pode encontrá-las! Alguma vez me enganei? Eu disse-lhe que havia uma merda de um testamento e aí está o cabrão – disse Strike[,] espetando o dedo na bolsa de plástico. – Arranje um mandato de busca» (Quando o Cuco Chama, Robert Galbraith. Tradução de Ana Saldanha, Maria Georgina Segurado e Rita Figueiredo. Queluz de Baixo: Editorial Presença, 2013, 2.ª ed., p. 459). «– Tome – disse ele, empurrando para o outro lado da mesa um pedaço de papel rasgado em que escrevera vários números com seis dígitos. – Experimente estes primeiro. E agora arranje uma merda de um mandato» (idem, ibidem, p. 460).

      Não é tanto, ou não é apenas, um problema de tradução: não sabem é distinguir os termos portugueses «mandato» e «mandado». É um dos erros mais comuns nas traduções.

 

[Texto 4223]